Trabalha comigo

Queres trabalhar comigo? Muito obrigada pelo interesse! Terei todo o gosto em discutir a tua proposta e encontrar uma solução que seja benéfica para ambos. No entanto, quero deixar claro que a minha prioridade são os leitores do Mundo Indefinido. Ou seja, só aceito propostas que façam sentido para mim e para eles, tendo em conta o estilo de viagem que eu defendo.

Tenho um compromisso de transparência e honestidade para com os meus leitores. Sei que alguns meios de comunicação social (blogues incluídos), muitas vezes não são transparentes em relação a viagens pagas, ofertas de produtos, ou outro tipo de patrocínios e parcerias. Não é assim que eu o pretendo fazer.

Peço-te que leias atentamente os parágrafos seguintes, porque descrevem a forma como quero trabalhar e o que aceito fazer a nível de colaborações. Se depois de leres estas linhas ainda tiveres interesse em trabalhar comigo, vamos conversar.

Anúncios e banners publicitários

Não me identifico, de todo, com este tipo de estratégias. Por isso, o blogue não tem nem prevejo que tenha espaço para caixas publicitárias no meio dos artigos, das páginas, ou em qualquer outro local. Agradeço que não me envies propostas nesse sentido, porque serão recusadas.

Artigos patrocinados

Um artigo patrocinado é um artigo escrito no Mundo Indefinido em parceria com alguma marca, empresa ou destino, que paga um valor por isso. Não trabalho gratuitamente nem a troco de “divulgação”.

Não falo de locais onde não fui, experiências que não tive, ou marcas que nunca utilizei. Irei sempre experimentar o produto ou o serviço antes de escrever sobre ele. Nunca serão publicados textos enviados e escritos por empresas ou marcas e não aceito qualquer interferência no conteúdo por mim publicado.

Por uma questão de transparência para com os leitores, todos os artigos patrocinados têm três avisos: um título que começa com [Publicidade], uma frase logo no primeiro parágrafo do texto, e a etiqueta Publicidade. É muito importante que a informação esteja logo visível e não no fim, onde muitas vezes se perde.

Redes sociais

As linhas orientadoras para publicações em redes sociais com apoio de empresas, marcas ou destinos, são as mesmas dos artigos patrocinados.

Por uma questão de transparência para com os seguidores, todas as partilhas patrocinadas nas redes sociais, nomeadamente Instagram e Facebook, terão as hashtags #ad, #publi ou #publicidade.

Programas de afiliados

O meu processo de escolha e aceitação de um afiliado é criterioso. Afinal de contas, os links de afiliado estarão presentes em vários artigos aqui no blogue.

O primeiro critério é eu conhecer a empresa, saber a sua qualidade, e utilizá-la nas minhas viagens. Não serei afiliada de empresas ou produtos que não conheço. Caso eu não conheça ou utilize nada da tua empresa, terei todo o gosto em experimentar, de forma independente. Se gostar do produto ou serviço a ponto de o utilizar nas minhas viagens, podemos então celebrar uma parceria.

Outro critério é o valor final para os leitores do Mundo Indefinido. Não trabalho com empresas que cobram taxas abusivas, que não tenham um bom serviço de apoio ao cliente, ou que não sejam éticas e transparentes.

Actualmente, participo em dois programas de afiliados: com a página de reservas de alojamento Booking.com e com a seguradora de viagens World Nomads. No entanto, reservo-me sempre o direito de alterar os programas de afiliados nos quais o blogue participa. Por vezes, as condições dos programas mudam, surge um serviço melhor e mais completo, ou percebo que um tipo de produto ou serviço não é do interesse dos leitores.

Viagens a convite ou presstrips

Estou a considerar viagens a convite aquelas viagens em que um destino ou promotor organiza uma viagem para um grupo de jornalistas, bloggers, ou outros produtores de conteúdo. No geral, o roteiro é definido pelo organizador, e está tudo incluído: viagem, alojamento, e alimentação.

Como regra, parece-me que a melhor forma de conhecer um lugar é por mim, ao meu ritmo, e não dentro dum roteiro inflexível. No entanto, nunca participei em viagens a convite, pelo que não posso afirmar com toda a certeza de que não são para mim. Assim, para já, estou a aceitar este tipo de propostas.

Quero ressalvar que o facto da viagem ter sido feita desta forma, não altera a minha opinião nem a minha escrita. Não aceito qualquer interferência no conteúdo por mim publicado. Assim, não combino a quantidade de artigos que serão publicados nem envio o texto antes da sua publicação.

Por uma questão de transparência para com os leitores, todos os artigos resultantes destas viagens têm dois avisos: uma frase logo no primeiro parágrafo do texto, e a etiqueta Viagem a convite. É muito importante que a informação esteja logo visível e não no fim, onde muitas vezes se perde. As publicações nas redes sociais que também resultarem dessa viagem terão a hashtag #presstrip.

Outras parcerias

Se tens alguma ideia concreta para trabalhar comigo, envia-me a tua proposta. Terei todo o gosto em discutir ideias! Em qualquer dos casos, prefiro relações duradouras a acções pontuais. Ou seja, vamos estabelecer uma ligação prolongada, que seja útil para ambos e para os leitores do Mundo Indefinido.